Anísio Maia diz que candidatura está mantida e que vai recorrer de decisão da Executiva Nacional na Justiça

O deputado estadual e candidato a prefeito de João Pessoa, Anísio Maia (PT), afirmou, nesta quinta-feira (17), que sua candidatura está mantida e que vai enfrentar a decisão da Executiva Nacional na Justiça. A declaração veio após a presidente do partido em âmbito nacional, Gleise Hoffmann, encaminhar ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) uma ata de reunião anulando parcialmente a convenção que ocorreu nessa quarta-feira (16), mantendo apenas a chapa proporcional, ou seja, a de candidatos a vereador.

”Não vamos aceitar, vamos recorrer da forma jurídica cabível, já temos gente trabalhando nisso”, afirmou ele indicando que a intervenção não afetará as decisões municipais da legenda, que está unida no enfrentamento a Executiva Nacional.

Entenda

A Excutiva Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) decidiu intervir na decisão do Diretório Municipal da legenda, em João Pessoa, e anulou parcialmente a convenção que homologou, na noite dessa quarta-feira (16), o nome do deputado estadual Anísio Maia como candidato na disputa pela Prefeitura da Capital. A decisão foi tomada após votação, que teve o resultado de 53 votos a favor e 13 contra a manutenção.

Gleisi Hoffmann encaminhou ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) documento anulando parcialmente as decisões do Diretório Municipal, passando a vigorar a representação da Nacional e permanecendo tão somente as deliberações relacionadas a aprovação da chapa proporcional de vereadores.

Conforme o documento encaminhando, o Diretório Nacional, no dia 16 de setembro de 2020, decidiu que o PT em João Pessoa apoiará a chapa majoritária encabeçada do Partido Socialista Brasileiro (PSB), do ex-governador Ricardo Coutinho, invalidando parcialmente dessa forma, a Convenção Municipal que decidiu pela candidatura própria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *