COLUNA DO DOUGLAS NÓBREGA: Administração com alta performance de resultados

Um grande desafio da atualidade é quebrar a ideia de que o serviço público no país não tem solução. A saída para tudo passa pela gestão profissionalizada. Somente com a qualificação pode-se garantir o fim do desperdício de recursos e o controle e planejamento das contas públicas. Isso significa pessoas certas nos cargos certos, fazer mais com menos, com o objetivo de entregar à população serviços eficientes e que atinjam positivamente a mais cidadãos.
Percebemos que cada dia que passa a sociedade se apresenta mais exigente, com mais acesso às informações, sobretudo no que tange as aplicações de verbas públicas e o seu possível desperdício, deixando cada vez mais inviável o pensamento de pessoas que querem ocupar a política e os cargos públicos com pensamentos de proveito e benefício pessoal. Diante disso, a resposta que um Gestor Público pode oferecer a sua população é oferecer serviços públicos de excelência, com profissionais especialistas em suas áreas, que podem contribuir positivamente com o bem-estar social dos munícipes.
Podemos destacar no campo público da Administração, por exemplo, a mudança das peças no jogo político, diversas cidades já não contam mais com agentes públicos antiquados, notamos uma nova roupagem no quadro legislativo de várias Câmaras, reflexo do novo pensamento da população, exigente no quesito qualidade de seus representantes. Não há mais um pensamento voltado apenas para os benefícios em troca de votos e uma cultura individualista e imediatista, mudando para um pensamento voltado à coletividade, as propostas que os agentes públicos podem oferecer, caso eleitos.
Tendo em vista que esta mudança se faz necessária em todos os setores da Administração Pública, podemos dizer que a mesma é responsável pela gestão de qualidade e um melhor aproveitamento dos bens e recursos públicos, especialmente empregados na educação e saúde dos cidadãos do nosso país. Quando se investe nas melhores pessoas para comandarem áreas-chaves da Gestão Pública, a população perceberá imediatamente os benefícios e o alcance de resultados a longo prazo será consequência de um trabalho independente, comprometido e focado na especialidade do agente público.
Somente com o pensamento empresarial dentro das organizações públicas é que podemos oferecer serviços de qualidade e atender a satisfação do público. Os agentes públicos transformadores na contemporaneidade precisam estar aptos a promoverem o que a sociedade exige e o Brasil precisa. Juntos nós somos legião, mesmo alguns que de forma anônima realizam um trabalho indispensável, mas somos todos responsáveis por gerir e transformar o dia-a-dia e a vida das pessoas, através de serviços de excelência. Precisamos ser o futuro que o país precisa.

DOUGLAS NÓBREGA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *