COMBATE À COVID-19: Prefeito Marcus Diogo anuncia instalação da Central de Atendimento à Covid-19 em Guarabira; confira ações já realizadas pela prefeitura

O prefeito Marcus Diogo anunciou mais uma ação de combate ao coronavírus no município de Guarabira. Através da Secretaria Municipal de Saúde, será implantada uma Central de Atendimento à COVID-19.

Segundo o prefeito, a instalação da Central de Atendimento à COVID-19 será no bairro do Rosário, onde funcionava a antiga Associação dos Moradores.

“Essa é mais uma ação da prefeitura para que cada vez mais a gente possa ter essa atenção voltada ao combate ao coronavírus em Guarabira”, explicou Marcus Diogo.

Segundo a secretária de Saúde, Fernanda Macedo essa ação de implantação da Central de Atendimento à COVID-19 trará uma acessibilidade maior para população que precisa desse serviço.

“Essa é mais uma ação da prefeitura, seguindo as portarias do Ministério da Saúde, que trará uma melhor acessibilidade para população. Com essa Central, estaremos oferecendo um serviço exclusivo e vamos centralizar esses atendimentos para esse novo ambiente”, acrescentou Fernanda.

Na última atualização do Levantamento de Testes Aplicados na Paraíba, Guarabira foi apontada como o município paraibano que mais realizou testes proporcionalmente. E tem tentativa de amenizar os danos causados por ele no município.

Confira os serviços desenvolvidos pelo município para o apoio aos pacientes acometidos por COVID-19:

1. Visita epidemiológica para pacientes que testaram positivo para COVID-19 com o objetivo de visualizar o contexto social do paciente e reforçar as orientações, buscando assim minimizar a cadeia de transmissão do vírus, distribuição de máscaras e panfletagem. Realizada de domingo à domingo.

2. Contato telefônico a cada 48 horas, feito por equipe de enfermeiros, para os pacientes positivos com intuito de esclarecer dúvidas, apoiar e orientar que em caso de piora do do quadro em qualquer momento deve ser procurado assistência médica.

3. Unidades de Saúde prontas para atendimento e testagem de casos suspeitos.

4. Abordagem de ônibus vindos de fora com verificação de temperatura, orientações e panfletagem. Sempre enfatizando a necessidade de isolamento e procura de assistência médica em caso de sintomas suspeitos.

5. Barreiras sanitárias nas entradas da Cidade nos sábados e quartas, dias em que existem maior movimentação de pessoas entrando na cidade pela cultura da feira livre.

6. Sanitização dos pontos de maior movimento diário na cidade como bancos, casas lotéricas, praças públicas.

7. Bombeiros civis em diversos pontos de possível aglomeração, orientando o distanciamento.

8. Testagem dos profissionais de saúde ativos e na linha de frente.

9. Testagem de Bombeiros Civis, Policia militar.

10. Testagem de profissionais das Secretarias de Meio ambiente e limpeza urbana.

11. Testagem em domicílio de idosos acamados com sintomas de COVID-19.

12. Atendimento de fisioterapia para idosos que retornaram de longas internações e apresentaram algum tipo de limitação física.

13. Testagem de pacientes notificados no E-notifica e que estavam até 30 dias do início dos sintomas, e que, por falta do teste, não tiveram diagnóstico fechado.

14. Testagem dos idosos do Cidade Madura.

15. Testagem dos idosos do Abrigo São Vicente.

16. Serviço de “disk Covid” com esclarecimentos de dúvidas.

17. UBS com novo fluxo de atendimento diário, sendo duas específicas para o atendimento aos fins de semana (UBS Nordeste I e UBS Santa Terezinha).

 

Redação Só Política PB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *