CPI DO LIXO: Vereadores do Conde prestam solidariedade a Manga Rosa e repudiam críticas do PSB contra presidente da Câmara

Vereadores da cidade de Conde divulgaram nesta terça-feira (18) uma nota rebatendo as críticas feitas pelo PSB paraibano que emitiu, ontem, um texto repudiando o processo de instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para analisar a licitação do lixo realizada pela prefeitura da cidade em 2017. Segundo o PSB, a deflagração da CPI é um ato arbitrário protagonizado pelo presidente do Legislativo Municipal, Carlos Manga Rosa, conhecido como Manga Rosa.

Na nota divulgada hoje, os vereadores manifestam solidariedade ao presidente da Câmara e repudiam a postura do PSB. Eles citam, inclusive, as investigações e denúncias que recaem sobre integrantes do PSB, denunciados na Operação Calvário. “Mergulhado em um lamaçal de podridão, com suas grandes lideranças responsáveis pelo maior escândalo de corrupção da história deste Estado, o PSB-PB não tem moral para falar de arbitrariedade ou mesmo para discutir acerca das ações da Câmara Municipal de Conde ou de qualquer outra Casa Legislativa. O partido está sem rumo, sem respeito e sem moral”, diz a nota.

 

Confira a nota na íntegra:

Em virtude dos ataques sofridos pelo vereador e presidente da Câmara Municipal de Conde, Carlos Manga Rosa, nós vereadores subscritos manifestamos publicamente nossa solidariedade ao nobre parlamentar e repudiamos a postura do PSB paraibano, através de sua Comissão Executiva.

Mergulhado em um lamaçal de podridão, com suas grandes lideranças responsáveis pelo maior escândalo de corrupção da história deste Estado, o PSB-PB não tem moral para falar de arbitrariedade ou mesmo para discutir acerca das ações da Câmara Municipal de Conde ou de qualquer outra Casa Legislativa. O partido está sem rumo, sem respeito e sem moral.

Manifestamos toda solidariedade ao nosso presidente, Carlos Manga Rosa. Queremos afirmar de modo muito claro que permaneceremos firmes ao seu lado, lutando em favor de Conde. Não iremos ceder aos ataques, achaques e açoites de quem acha que pode conseguir tudo o que quer na base da bravata, da ameaça e da perseguição. No Conde não há espaço para essa política que só provoca sofrimento.

Antes de emitir nota contra Manga Rosa ou qualquer outro agente político, o PSB paraibano deveria sair do lamaçal no qual se encontra e que infelizmente lançou o nosso Estado. Antes de apontar aos outros, o que lhe parece sujo, o PSB-PB deveria se limpar expulsando os deputados, prefeita, ex-governador e demais cooperadores que foram citados pelo Ministério Público, sendo alguns deles presos sob acusação de fazerem parte de uma ORCRIM. Antes de apontar aos outros, saiam do seu ‘calvário’.

Por fim, ao presidente Carlos Manga Rosa, nosso respeito, solidariedade e colaboração!

Conde, PB, 18 de fevereiro de 2020

Malba de Jacumã

Adriano Ferreira

Flávio Mello

Daniel Junior

Josélio Jogador

Juscelino Araújo

 

 

Bastidores da Política PB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *