Frentes Parlamentares da ALPB contribuem para amenizar problemas econômicos e sociais durante pandemia

A Frente Parlamentar em Defesa da Democracia e Diversidade da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) se reunirá, em sistema eletrônico de vídeo conferência, nesta quinta-feira (30), às 14h, para discutir a situação dos refugiados venezuelanos e indígenas Waraó em tempos de pandemia. Presidida pela deputada Estela Bezerra, esta é a segunda reunião a ser realizada pela Frente Parlamentar desde o início do isolamento social decretado pelo presidente da ALPB, Adriano Galdino, no dia 19 de março passado, em decorrência da pandemia do coronavírus (Covid 19).

No primeiro encontro, no último dia 9 de abril, a Frente Parlamentar em Defesa da Democracia e Diversidade tratou dos desafios e propostas para a garantia dos direitos e cidadania durante a pandemia, e encaminhou ofício às autoridades pedindo providências que assegurassem a proteção de crianças e os serviços de atendimento às pessoas que vivem nas ruas, entre outras medidas.

As deputadas Estela Bezerra e Cida Ramos promoveram amplo debate com representantes de diversas entidades, entre elas, o presidente da Associação dos Docentes da Universidade Federal da Paraíba (ADUF-PB), Fernando Cunha, a representante da Comissão Pastoral da Terra (CPT), Tânia Maria de Souza, representante da Articulação de Mulheres Brasileiras (AMB), Joana Darc da Silva.

Outras Frentes

Nesse período de isolamento social, outras Frentes Parlamentares também deram a sua contribuição nas discussões em busca de soluções para os problemas sociais causados pela pandemia do Covid-19. No dia 25 de março, a Frente Parlamentar de Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico, presidida pelo deputado Eduardo Carneiro, debateu medidas econômicas a serem apresentadas ao Poder Executivo como forma de apoiar as pequenas empresas, empreendedores e  trabalhadores autônomos nesse período de pandemia.

Também em março, a Frente em Defesa da Assistência Social discutiu medidas que poderiam ser adotadas diante das dificuldades causadas pelo coronavírus.  Inclusive, o Governo do Estado atendeu algumas sugestões elaboradas pela ALPB, através das Frentes, para reduzir os impactos da pandemia na economia do Estado e na vida dos mais vulneráveis.

O presidente da Frente Parlamentar de Empreendedorismo, o deputado Eduardo Carneiro, ressaltou que as medidas apresentadas ao governador João Azevedo diz respeito ao plano de Plano de Retomada de Negócios e auxílio aos empreendedores, com objetivo de assegurar postos de empregos e impedir fechamento de empresas. Ele afirmou que todo o material apresentado foi elaborado juntamente com o setor produtivo.

Já a presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Assistência Social, a deputada Cida Ramos, destacou que as medidas sociais e econômicas propostas pela Frente ocorreram após diálogo com seguimentos da sociedade civil, gestores e pesquisadores das universidades paraibanas. “Nós propomos as ações para o Governo no intuito de salvar vidas diante dessa pandemia. São medidas para unir a sociedade, que são urgentes e necessárias”, comentou.

Neste sentido, no último dia 23 de abril, a Frente Parlamentar Ambientalista realizou uma reunião remota, para tratar sobre a soberania alimentar em tempos de pandemia, reunindo representantes do Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável da Paraíba, da Pastoral da Juventude da Paraíba, Secretaria de Estado da Agricultura Familiar e Desenvolvimento do Semiárido, da Associação dos Agricultores e Agricultoras Agroecológico da Várzea Paraibana (ECOVÁRZEA), entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *