Governador João Azevêdo considera pronunciamento de Bolsonaro como “desserviço”

“Desserviço”. Foi assim que o governador da Paraíba, João Azevêdo, definiu, ao disparar duras críticas na noite desta terça-feira (24), o discurso do presidente da República, Jair Bolsonaro, que durante fala em rede nacional, atacou os chefes de Executivo estaduais.

Ainda segundo ele, “a nossa posição [Paraíba] será de manter exatamente o plano elaborado anteriormente. Esse pronunciamento foi um desserviço à nação’, afirmou.

Bolsonaro ainda tentou desfazer a orientação pública do Ministério da Saúde que pediu isolamento social em combate ao novo Coronavírus, o que pegou mal entre os secretários de Saúde do Nordeste, esses que saíram com Carta Aberta perplexos com a atitude do dirigente, mas afirmando que vão continuar seguindo a orientação de quarentena da OMS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *