Inácio Falcão diz que a disputa em CG será entre a máquina e a tradição: “40 anos nas mãos das mesmas famílias”

Conhecida pelos embates eleitorais acirrados, e que repercute no cenário político da Paraíba, a disputa em Campina Grande, no Agreste do Estado, esse ano será entre a máquina municipal e a tradição de famílias. Essa foi a análise do pré-candidato a prefeito Inácio Falcão, do PC do B, durante entrevistas à Rádio e TV Arapuan.

“Primeiro vamos devolver a cidade às famílias de Campina Grande. Para que a cidade não viva ou perdura na mão de três famílias que administram Campina há quatro décadas. Há quarenta anos, Campina está na mão dessas três famílias”, afirma.

“Nós precisamos defender o trabalhador, defender o emprego e renda, nós precisamos defender o pão de cada dia na mão de quem tanto clama por esse sonho, de uma nova gestão. Campina clama para ser resgatada, e devolvida às pessoas de Campina Grande”, completou Inácio.

O pré-candidato diz que vê como um desafio essa disputa entre a máquina da prefeitura e famílias tradicionais da política, mas é um parlamentar que tem uma folha de serviços prestados à cidade. “Tenho certeza que Campina Grande vem pedindo e clamando por uma visão mais ampla de gestão, e estamos construindo com as lideranças políticas, as classes sociais e toda população”, sublinha Inácio, e fazendo um apelo a população.

“No meio da fissura, entre as duas famílias, Inácio Falcão estará sim preparado para fazer um grande embate com essas famílias, e acima de tudo, com responsabilidade e transparência”, complementou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *