LAVA JATO: STF suspendeu ação penal contra ministro Vitalzinho

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu a ação penal aberta nessa segunda-feira (1º) contra o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rêgo Filho, na Lava Jato. Votaram a favor da ação os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

Votaram contra os ministro Edson Fachin e Cármen Lúcia. O ministro Celso de Mello esteve ausente da sessão e o empate em 2 a 2 favoreceu Vital.

Em seu voto, Gilmar Mendes apontou que a denúncia é baseada em delações. Após Fachin pedir vista, Mendes votou para conceder um habeas corpus de ofício e suspender o processo, segundo seguido por Lwandowski.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *