Pautas sociais: vereadores de Santa Rita discutem melhorias para os santarritenses na Câmara Municipal, nesta quinta-feira

Vereadores da Câmara Municipal de Santa Rita, durante sessão ordinária realizada nesta quinta-feira (09), usaram a tribuna da Casa para debaterem assuntos de extrema relevância para a população santarritense.

O presidente da Câmara, Cícero Medeiros (PP) fez um levantamento dos trabalhos legislativos realizados durante o ano de 2021 e as ações que serão realizadas no próximo ano.

“Conseguimos pagar o salário e o 13º em dia. Vamos desocupar a casa para reformar, colocar elevadores, para trazer acessibilidade aos visitantes e todos os vereadores terão gabinetes.
Quase mil requerimentos apresentados foram aprovados. Temos números muito positivos. Esta Casa está de parabéns”, disse o presidente.

Já o vereador Jair Norberto (Pros), o Tenente Jair, usou a tribuna e abordou um tema que vem trazendo diversos transtornos à população: a falta d’água. O vereador sugeriu a criação de uma comissão para que o problema seja debatido com a Cagepa e, assim, soluções possam ser encontradas.

“Nossa cidade tem vivido um caos por falta d’água. Tibiri já vem sofrendo há muito tempo com este problema. Para tentarmos solucionar este problemas, devemos criar uma equipe de vereadores para irmos até a Cagepa, para tentarmos solucionar este problema”, sugeriu.

A violência contra mulheres trans também foi debatida na Casa Legislativa. O tema foi trazido pelo vereador Alysson Gomes (PSL), que externou o seu repúdio pelo assassinato da mulher trans Yasmim Fontes, 23 anos, que foi morta a facadas na madrugada de hoje, no bairro de Manaira, em João Pessoa.

“Uma mulher trans foi assassinada a facadas na noite de ontem. Falar sobre as mulheres trans é respeitar a vida. Peço às forças de segurança por zelar cada vez mais por essas pessoas. Tem gente que acha que tem o direito de julgar a escolha sexual de outra pessoa. Não dá mais para ver as pessoas tendo vidas ceifadas por ideologia de gênero”, protestou.

O vereador Anésio Miranda (PP) solicitou que o Poder Executivo Municipal continue trabalhando na ampliação dos cemitérios municipais, pois muitos santarritenses estão encontrando dificuldades de encontrar seus entes queridos, pois os locais estão superlotados.

“Os cemitérios estão superlotados. Muitos familiares estão encontrando dificuldades de enterrar seus entes queridos. Creio que o chefe do executivo irá tomar as devidas providências e continuar a ampliação dos locais”, solicitou.

O vereador Luciano Serrano, o Nininho do Bode, alertou para os riscos dos cabeamentos que estão sendo colocados nas ruas da cidade, sem fiscalização, se amontoados, podendo causar acidentes nas ruas.

“Isso é um descaso. Colabora com acidentes. Apresentei um Projeto de Lei que está tramitando na Câmara, para que possamos fiscalizar e fazer uma audiência pública com esses empresários de cabeamento, que estão instalando quase a nível da rua”, relatou.
[14:07, 09/12/2021] Felipe Miranda: Câmara de Bayeux aprova, em primeiro turno, novo Código Tributário do Município e mais 19 matérias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *