“Quem quiser ser respeitado, respeite também” dispara Adriano Galdino ao rebater ofensas de Wallber Virgolino contra a gestão estadual e deputados governistas

Um bate-boca entre o deputado oposicionista Wallber Virgolino e o governista Ricardo Barbosa durante a sessão desta terça-feira na Assembleia Legislativa da Paraíba, esquentou o clima na Casa de Epitácio Pessoa.

Tudo começou quando Wallber desferir ofensas contra o governador João Azevêdo, sendo rebatido por Barbosa, que o desafio a provar as denúncias que Virgolino estava fazendo.

“Eu vou desafiar a você a provar um único caso de servidor que não está recebendo salário. Se vossa excelência trouxer um único caso de servidor ou fornecedor sem receber, eu peço desculpas publicamente e tiro licença por 30 dias sem vencimentos. Você falta com a verdade” declarou.

Barbosa ainda acusou Virgolino de coagir uma servidora da Maternidade Frei Damião, em João Pessoa, para implantar uma denúncia infundada contra a Saúde do Estado.

O oposicionista então pediu ao presidente da Casa, Adriano Galdino a fala, tendo recebido uma negativa.

“Quem quiser ser respeitado, respeite também” disparou Adriano.

Blog do Ninja 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.