Vereadora denuncia governo do estado e fala sobre má gestão e supostos casos de negligência médica no hospital regional de Guarabira

Na última semana a vereadora Isaura (PSD) subiu à tribuna e fez fortes falas contra o governo do estado. Na oportunidade, a vereadora falou que foi procurada por uma mãe, que aos prantos, disse que sua filha morreu por suposto caso de negligência médica no hospital regional e UPA de Guarabira.

“Fui procurada por uma mãe que se chama Mariana que mora no Conjunto Jáder Soares Pimentel, ela me mandou vários áudios sobre uma criança de 07 meses que foi ao hospital regional, foi internada e essa criança estava com pneumonia, quando chegou certo dia o médico ou médica deu alta à criança e mandou para casa. A criança no outro dia amanheceu muito pior e a mãe levou para a UPA de Guarabira. Após um tempo na UPA, a criança veio a óbito por falta de atenção médica, por negligência”, disse Isaura.

Ainda visivelmente emocionada, Isaura relatou outros casos de suposta negligência médica e falta de um atendimento mais acelerado aos pacientes. Segundo a vereadora, é importante que haja um tratamento igualitário a todos e cobrou dos seus pares providencias junto ao Ministério Público.

“O tratamento tem que ser igual para todos porque todos nós somos Guarabirenses e temos direito a dignidade. As pessoas morrendo e todos calados, com a língua travada. Nada diz, nada fala e o povo está cansado disso. Mas hoje na casa Osório de Aquino, tenho certeza que este documento vai sair e vamos ao Ministério Público para verificar essas situações”, concluiu a vereadora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.